Tumulto após comício de presidente nigeriano deixa pelo menos 14 mortos
Destaques - África
Escrito por Agências  
Quinta, 14 Fevereiro 2019 07:53
Share/Save/Bookmark

Pelo menos 14 pessoas morreram e outras oito ficaram feridas, na terça-feira, durante um tumulto após um comício de campanha do presidente da Nigéria, Muhammadu Buhari, que busca a reeleição no próximo sábado.

Funcionários do Hospital Universitário de Port Harcourt (UPTH), cidade onde aconteceu a tragédia, confirmaram as 14 mortes que aconteceram depois que a multidão se amontoasse na saída do estádio Adokiye Amiesimaka, após um comício do Congresso de Todos os Progressistas (APC, sigla em inglês).

"Posso confirmar a morte de 14 pessoas até o momento. Inicialmente eram seis, mas os números mudaram à medida que os feridos foram trazidos e examinados. Há outros sob atendimento médico na Unidade de Emergências", declarou o chefe de relações públicas do hospital, Kem Daniel-Elebiga.

O número de feridos é de pelo menos oito pessoas, a maioria pisoteada por outros presentes ao evento, depois que simpatizantes do APC foram obrigados a deixar o local após o discurso de Buhari.

O presidente "acaba de ser informado da trágica morte de vários membros de seu partido durante um comício presidencial em Port Harcourt, no estado de Rivers", lamentou a Presidência, através de um comunicado.

As eleições do próximo sábado no país mais populoso da África concorrem, além de Muhammadu Buhari e outros 71 candidatos, o ex-vice-presidente Atiku Abubakar, candidato da oposição pelo Partido Democrático Popular (PDP).

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom