Cristiano Ronaldo vence prémio Globe Soccer pela 5ª vez
Destaques - Desporto
Escrito por Agências  
Sexta, 29 Dezembro 2017 07:13
Share/Save/Bookmark

Após ter vencido o prémio The Best, de melhor jogador do mundo pela Fifa, e a Bola de Ouro, da revista "France Football", Cristiano Ronaldo conquistou nesta quinta-feira pela quinta vez na carreira o Globe Soccer, prémio entregue em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Cristiano superou uma concorrência com Sergio Ramos, também do Real Madrid, Lionel Messi, do Barcelona, Gianluigi Buffon e Paulo Dybala, ambos da Juventus, e Neymar e Kylian Mbappé, do Paris Saint-Germain.

O craque português liderou o Real no ano mais vitorioso da história do clube, com cinco títulos conquistados: Liga dos Campeões, Campeonato Espanhol, Supertaça Europeia, Supertaça da Espanha e Mundial de Clubes.

"Estou muito feliz. agradeço à minha equipe e aos meus companheiros de Real Madrid. Espero que possamos fazer o mesmo no ano que vem", declarou Cristiano, em vídeo exibido durante a cerimónia de premiação.

O Real Madrid, que disputava com o Mónaco e o Manchester United, foi proclamado o melhor clube de 2017, algo que já havia acontecido em 2014 e 2016. Com isso, os 'Blancos' superaram o rival Barcelona, vencedor em 2011 e 2015. O técnico Zinedine Zidane foi quem subiu ao palco para receber o troféu.

Poucos minutos depois, "Zizou" voltou ao palco para receber o troféu de melhor técnico de 2017, competindo com os italianos Antonio Conte (Chelsea) e Massimiliano Allegri (Juventus) e o português José Mourinho, que conquistou a Liga Europa no comando do Manchester United. O Espanhol foi escolhido o melhor campeonato nacional.

Já o ex-defesa Carles Puyol superou Alessandro del Piero e obteve um troféu especial por sua carreira como jogador, enquanto Marcelo Lippi foi agraciado com um prémio parecido, mas pela trajetória como técnico.

Ainda houve premiação para melhor árbitro (alemão Felix Brych); melhor empresário (português Jorge Mendes); melhor dirigente de clube (espanhol Ferrán Soriano, do Manchester City); melhor executivo (russo Vadim Vasilyev, do Mónaco); melhor técnico de equipe árabe (argentino Héctor Cúper, da selecção do Egito) e melhor equipe árabe (selecção da Arábia Saudita).

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Sexta, 29 Dezembro 2017 07:16
 
Avaliação: / 0
FracoBom