Moçambola 2018: golo de Mário dá vitória no canavial e liderança isolada ao Ferroviário de Maputo
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  
Segunda, 02 Abril 2018 07:31
Share/Save/Bookmark

Um golo solitário de Mário no canavial de Xinavane garante a liderança isolada do Ferroviário de Maputo no Campeonato Nacional de futebol. Outro Mário, Sinamunda, deu a segunda vitória aos campeões em Gondola. Mas quem brilhou foi Kuali que no primeiro jogo à noite do Moçambola 2018 bisou e assegurou 3 pontos para os “locomotivas” de Nampula.

A equipa treinada por Nélson Santos parece ter afinado a máquina e começa a distanciar-se na liderança do Campeonato nacional de futebol.

Este domingo (01) os “locomotivas” da capital do país viajaram até Xinavane onde tiveram de dar muito vapor para conquistar os 3 pontos, valeu uma cabeçada de Mário no minuto 57, respondendo a um pontapé de canto, que o destaca também na lista dos melhores marcadores agora com quatro golos.

Na “terra da boa gente” a ENH recebeu e não foi além de um empate a uma bola diante dos “fabris” de Manica. No “Chiveve” os apáticos donos da casa ofereceram um golo aos “guerreiros” do Chibuto.

Decorria o minuto 65 quando depois de um atraso inofensivo o guarda-redes Soarito não teve a calma para afastar a bola da sua área e serviu Rodrigues na meia lua que galgou terreno, fintou-o e com o pé esquerdo atirou para o fundo das redes. Perto do minuto 90 Nelito, lançado por João Chissano na 2ª parte, marcou o tento de honra do Ferroviário da Beira.

No campo do Ferroviário de Gondola, os “hidroeléctricos” sofreram para levar os 3 pontos diante dos “professores” de Manica que controlaram o jogo e tiveram soberanas oportunidades que os seus avançados não conseguiram colocar no fundo das malhas de Leonel.

Foi decisiva a experiência dos campeões que aproveitando a passividade defensiva da UP chegou ao golo por Mário, no minuto 63.

Kuali brilhou no primeiro jogo à noite do Moçambola 2018

Em Quelimane Ismael fez as pazes com os exigentes adeptos da casa a ser eficaz e marcar o golo solitário da vitória dos “trabalhadores” sobre os “locomotivas” de Nacala.

Na cidade de Nampula o Sporting local conquistou o primeiro ponto da temporada impondo um empate sem golos aos “muçulmanos” da Matola.

Na cidade portuária enfrentaram-se os “canarinhos” locais e os de Maputo. Levou a melhor ao Costa do Sol que no entanto teve de sofrer não fosse o oportuno Sibale ter aberto o placar perto da meia hora. Mas a jornada abriu no sábado (31) com a realização do primeiro jogo da prova durante a noite.

Sob os holofotes do estádio nacional do Zimpeto os “tricolores receberam os “locomotivas” de Nampula que brilharam.

À passagem do minuto 54 Maurício fugiu pelo flanco direito serviu Kuali que na passada rematou forte com o pé esquerdo para o primeiro da noite.

Endiabrado, nove minutos, o camisola 9 voltou a entrar pelo flanco direito, deixou o defensor na covas e na cara do guarda-redes atirou para o ângulo mais longe, agora com o pé direito. Já em tempo de compensação Bruno transformou em golo uma grande penalidade marcando o golo que não foi suficiente para salvar a honra do Maxaquene.

Eis os resultados da 4ª jornada:

Ferroviário da Beira 1-1 Clube de Chibuto

ENH Vilanculo 1-1 Textáfrica

G.D. Incomati 0-1 Ferroviário de Maputo

UP de Manica 0-1 União Desportiva de Songo

1° de Maio Quelimane 1-0 Ferroviário de Nacala

Sporting de Nampula 0-0 Liga Desportiva de Maputo

Desportivo de Nacala 0-1 Costa Sol

Maxaquene 1-2 Ferroviário de Nampula

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom