Moçambola: “Locomotivas” de Maputo vencem no “ninho do canário” e destacam-se na liderança
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  
Segunda, 07 Maio 2018 07:40
Share/Save/Bookmark

Foto da página do Ferroviário de Maputo no facebookOs “locomotivas” de Maputo venceram o clássico no “ninho do canário” e destacaram-se na liderança do campeonato nacional de futebol com mas 3 pontos do que o 2º lugar, agora é ocupado pelos “guerreiros” de Gaza que conquistaram em Quelimane importante vitória sobre os “trabalhadores” locais e ocupam o lugar enquanto os campeões nacionais não jogam.

Na estreia de Horácio Gonçalves no comando do Costa do Sol em casa a equipa entrou com nova estrutura de jogo que claramente não parecia com pouca vontade de ganhar.

Jogando a bola no pé e com processos mais automatizados o Ferroviário assumiu o controle do jogo embora não tivesse conseguido chegar com real perigo à baliza “canarinha” durante os primeiro 20 minutos.

Depois, na sequência de um atraso fácil, o guarda-redes Guirrugo deixou-se antecipar por Elias, que fintou-o, na tentativa de recuperar a bola o guardiçao “canarinho” fez falta para penálti. Elias podia ter aberto o marcador mas chutou com pouca preparação e Guirrugo com os pés redimiu-se, cortando para fora.

No minuto seguinte Elias voltou isolar-se na pequena área mas não teve a frieza necessária para visar a baliza, atirou para as nuvens.

Até que à meia hora num contra-ataque rápido o camisola 8 fez um passe bem medido para o flanco direito onde Liberty sem hesitar, a meio do meio campo, rematou colocado para o fundo das malhas. A bola bateu no relvado defronte de Guirrugo e enganou o guarda-redes do Costa do Sol.

Com uma equipa inofensiva a atacar o novo treinador dos “canarinhos” fez duas substituições ao intervalo e a equipa acordou para o jogo. Logo no primeiro minuto Terence embalou no flanco direito mas demorou a servir os companheiros na área.

Minutos depois o jovem liberiano voltou a galgar o seu flanco e serviu a bola, na área Isac falhou o remate e Chawa chutou para as nuvens.

Terence voltou a servir Chawa, no minuto 63, que sem oposição na grande área voltou a rematar para as nuvens.

Também Sibale foi perdulário das várias oportunidades que não conseguiu visar a baliza a mais escandalosa aconteceu no minuto 33, a passe de Raul da esquerda, sem oposição chutou ao lado da baliza de Franque.

Muito balanceado ao ataque o Costa do Sol abria espaço na sua defesa mas o revigorado ataque dos “locomotivas” não teve arte para chegar ao segundo golo.

A equipa de Nelson Santos, que deve ter degustado o regresso vitorioso à casa de onde foi mandado sair após uma boa campanha na época passada, consolidou a liderança isolada enquanto o Costa do Sol afundou-se na metade de baixo da tabela classificativa.

Bis de Mussa na reviravolta da Universidade Pedagógica de Manica

Na perseguição ao líder está agora o Clube de Chibuto, enquanto a União Desportiva do Songo não joga contra a Liga Desportiva de Maputo, que foi à capital da Zambézia impor a primeira derrota caseira ao 1º de Maio, graças a um golo solitário de Jaita perto do final.

O Textáfrica viajou ao canavial de Xinavane e roubou 1 ponto que lhe permitiu manter-se no 3º lugar. A equipa de Caló mantém em posição complicada pois continua sem conseguir vencer os jogos no seu campo.

O Ferroviário de Nampula esteve a vencer até ao intervalo em Manica, Belito abriu o placar logo no minuto 3 e no minuto Edgar fez o segundo. Mas os “docentes” deram uma lição de futebol na 2º parte, Valdo lançou Mussa pelo flanco direito, o jogador da UP correu para a área e rematou cruzado para o primeiro golo dos anfitriões.

Diante da tentativa dos “locomotivas” de Anteco Cambaco defenderem a vantagem a Universidade Pedagógica de Manica correu atrás da desvantagem no minuto 86 Paito aguentou pressão a pressão e na área chutou para o empate. Galvanizados os “docentes” continuaram a procura da vitória e Mussa, no último minuto dos 4 de compensação, fez a reviravolta para explosão de alegria dos adeptos que lotaram o campo do Ferroviário de Gondola.

Confira os resultadas incompletos da 8ª jornada:

Costa do Sol 0-1 Ferroviário de Maputo

1° Maio de Quelimane 0-1 Clube de Chibuto

Maxaquene 2-0 ENH Vilanculo

Sporting de Nampula 1-1 Ferroviário da Beira

Incomáti 0-0 Textáfrica

Desportivo de Nacala 4-1 Ferroviário de Nacala

UP de Manica 3-2 Ferroviário de Nampula

 

A classificação está desta forma reordenada, provisoriamente:

CLUBES

J

V

E

D

BM

BS

P

Ferroviário de Maputo

8

6

0

2

11

6

18

Clube do Chibuto

8

4

3

1

11

5

15

União Desportiva do Songo

7

4

1

2

8

7

13

Textafrica

8

3

4

1

9

8

13

Ferroviário de Nampula

8

3

3

2

11

8

12

Ferroviário da Beira

8

2

6

0

12

6

12

Liga Desportiva de Maputo

7

3

2

2

7

6

11

Universidade Pedagógica de Manica

8

3

2

3

8

9

11

Costa do Sol

8

2

3

3

5

4

9

Maxaquene

8

2

3

3

9

9

9

10º

G.D.Incomati

8

1

5

2

3

4

8

10º

ENH de Vilanculo

8

2

2

4

4

10

8

10º

Ferroviário de Nacala

8

2

2

4

6

12

8

10º

Desportivo de Nacala

8

2

2

4

8

7

8

15º

1º de Maio de Quelimane

8

2

1

5

6

11

7

16º

Sporting de Nampula

8

1

3

4

5

14

6

 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom