Escrito por Redação  
Segunda, 09 Junho 2014 17:07
Share/Save/Bookmark

A Organização que congrega jovens simpatizantes, e membros, do partido Frelimo, elegeu Manuel Formiga, proveniente daquela organização, como novo presidente do Conselho Nacional da Juventude (CNJ), num acto em que ele concorria sozinho, no sábado passado (07), durante a VI Assembleia Geral do CNJ, que teve lugar na província de Tete.

Manuel Formiga, sucede a  Oswaldo Petersburgo, também membro do partido Frelimo, não teve adversário uma que vez seu único oponente, Abel das Neves, da Associação Visão Juvenil, desistiu da corrida na última hora. Manuel formiga foi eleito com mais de 94 porcento de votos. Nos últimos cinco anos, o CNJ foi presidido por Oswaldo Petersburgo que, entretanto, não concorreu para renovação do mandato.

As ligas juvenis da Renamo e do Movimento Democrático de Moçambique (MDM) não participam no encontro, tal como prometeram, supostamente porque não concordam com certos aspectos relacionados com a instrução do processo que culminou com a escolha de Manuel Formiga, que à partida o consideram ilegítimo.

Os jovens da Renamo garantiram nas vésperas do encontro do CNJ que não iriam participar na referida reunião porque não foram, em nenhum momento, consultados durante a preparação da assembleia e não receberam um convite formal dos organizadores. Por sua vez os da MDM alegam que o CNJ desviou-se dos seus reiais objectivos transformando-se numa célula do partido Frelimo.

O Conselho Nacional da Juventude augura-se representante e defensor dos interesses das associações e organizações juvenis de Moçambique contudo as suas iniciativas confundem-se com as actividades da Organização da Juventude do partido no poder, a Frelimo.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 2
FracoBom