Escrito por Redação   
Segunda, 22 Setembro 2014 11:31

"A tensão em Moçambique está a subir nas vésperas das Eleições Gerais de 15 de Outubro, o que representa um aumento dos riscos operacionais e de segurança para os investidores (entenda-se estrangeiros)" reportou a Maplecroft, uma consultora mundial de riscos políticos associados aos negócios estrangeiros. Posição idêntica foi assumida semana finda pelo Governo dos Estados Unidos da América que emitiu um alerta de segurança para os seus cidadãos em Moçambique, ou que pretendam viajar para a "Pérola do Índico".

 
Escrito por Redação   
Terça, 23 Setembro 2014 10:54

Mais de duas semanas após a assinatura do Acordo de cessação das hostilidades militares em Moçambique continua por iniciar o processo de desmilitarização, imobilização e reintegração das forças residuais do partido Renamo. Os membros da Equipa Militar de Observadores Internacionais da Cessação das Hostilidades Militares (EMOCHM) já começaram a chegar a capital moçambicana mas só deverão iniciar a fiscalização e monitoria, prevista para durar 135 dias, a 30 de Setembro.

 
Escrito por Redação Centro/ Norte   
Quarta, 17 Setembro 2014 17:54

O Governo moçambicano omite e/ou não tem capacidade suficiente para a divulgação das diversas leis aprovadas no país. Como consequência da alegada inércia das entidades competentes, maior parte da população não conhece os seus direitos e deveres. Esse facto foi constatado pela Kuwuka, uma organização da sociedade civil, sediada em Maputo e com representações em algumas províncias do país.

 
Escrito por Redação   
Terça, 16 Setembro 2014 09:47

O chefe da missão de observadores militares do Botswana e os observadores militares do Zimbabwe já se encontram na capital moçambicana para fiscalizarem a cessação das hostilidades e o desarmamento do antigo movimento rebelde em Moçambique, no âmbito da homologação do acordo para o efeito, que aconteceu a 05 de Setembro corrente entre o Presidente da República, Armando Guebuza, e o líder da Renamo, Afonso Dlhakama.

 
Escrito por Redação Nampula   
Quinta, 25 Setembro 2014 13:18

As festividades dos 50 anos das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) na cidade de Nampula foram manchadas pelo derrame de sangue de crianças e adultos feridos em resultado do lançamento do gás lacrimogêneo e disparos de balas de borracha pela Força de Intervenção Rápida (FIR), na sequência de escaramuças protagonizadas por um grupo de supostos membros e simpatizantes da Frelimo e do Movimento Democrático de Moçambique (MDM).

 
Escrito por Redação   
Quinta, 11 Setembro 2014 16:11

A limpeza dos bairros suburbanos da cidade de Maputo sempre deixou a desejar, apesar da criação de associações para a recolha de resíduos sólidos, apoiadas pela edilidade, porque o “conceito” saneamento do meio ambiente ainda não faz parte das práticas diárias dos cidadãos, segundo Fabião Sitoe, presidente da Associação de Água e Saneamento do Bairro da Urbanização (ADASBU), pioneira da iniciativa de recolha do lixo a nível dos bairros. Ele disse ao @Verdade que a urbe está infestada de lixo por causa da falta de consciência em relação à higiene por parte da população, e não devido à ineficácia das autoridades municipais.

 
Escrito por Redação Nampula   
Quinta, 11 Setembro 2014 08:35

A alegada ausência no país de um sistema de governação inclusivo, onde se respeitem todos os direitos dos cidadãos, sem distinção de raça, etnia, condições económicas e sociais, leva os camponeses de Lalaua, Ribáuè e Malema, na província de Nampula, a projectarem a criação de uma instituição com poderes deliberativos, designada “Parlamento Enxada”.

 
Escrito por Redação   
Segunda, 08 Setembro 2014 15:02

A Assembleia da República (AR) aprovou esta segunda-feira (08), por consenso e na especialidade, a Lei do Acordo sobe a Cessação das Hostilidades Militares em Moçambique, após a homologação dos documentos que a compõem, semana finda, pelo Presidente, Armando Guebuza, e pelo líder da Renamo, Afonso Dhlakama.

 
Escrito por Agências   
Segunda, 08 Setembro 2014 10:54

Os observadores militares internacionais que deverão fiscalizar o processo da cessação das hostilidades em Moçambique chegam ao país, terça-feira, segundo o chefe da delegação do Governo às negociações e ministro da Agricultura, José Pacheco.

 
Início Anterior 111 112 113 114 115 116 117 118 119 120 Seguinte Final

Pág. 113 de 127