Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 26 Setembro 2018 09:05

O Presidente Filipe Nyusi alertou ao mundo que os grupos que criam terror na província de Cabo Delgado, e semana passada assassinaram pelo menos mais 13 pessoas, têm “tendência a alastrar-se para outros países vizinhos”.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Quinta, 13 Setembro 2018 22:29

As escolas particulares que operam no território moçambicano, incluindo as que ministram o currículo estrangeiro, colaboração muito pouco com os Serviços Distritais de Educação, Juventude e Tecnologia (SDEJT), não canalizam a informação inerente às suas actividades e algumas violam as normas de colecta de mensalidades, queixou-se, na quinta-feira (13), a ministra da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH), Conceita Sortane, no encontro com os representantes das instituições em apreço, e exigiu a correcção imediata dos problemas a que se referiu.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Quinta, 13 Setembro 2018 07:43

Enquanto em Quelimane há uma menina de 16 anos de idade que ainda chora, copiosamente, pela morte do seu bebé, horas depois de nascer com os intestinos fora do abdómen, na Matola, a cidade industrial e satélite da capital do país, uma outra miúda da mesma idade deu à luz a uma criança e, imediatamente, enterrou-a viva.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Quinta, 13 Setembro 2018 07:31

O Conselho de Ministros moçambicano aprovou, na terça-feira (11), uma proposta de lei que estabelece novas normas de entrada, permanência e saída no país para os cidadãos de nacionalidade estrangeira. Em caso de os serviços de migração rejeitarem um forasteiro, as transportadoras passam a assumir os custos inerentes ao seu repatriamento.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Terça, 11 Setembro 2018 07:33

Apesar de a África do Sul ter suspendido a proibição do consumo de frangos e seus derivados, bem como de carnes frias das marcas entreprise e rainbow, por conta do surto de uma doença denominada listeriose, as autoridades moçambicanas mantêm o impedimento e restrição na importação. A Inspecção Nacional das Actividades Económicas (INAE) disse que ainda não foi notificada pelos ministérios da Saúde (MISAU) e da Agricultura e Segurança Alimentar (MASA) para liberar a venda desses alimentos.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Terça, 14 Agosto 2018 22:26

Foto cedida pela DRP/PRMCento e doze membros da Polícia da República de Moçambique (PRM), entre oficiais superiores, subalternos e sargentos foram patenteados, na terça-feira (14), em Maputo. No acto, o comandante-geral, Bernardino Rafael, exigiu respeito ao dever de profissionalismo e empenho no combate à criminalidade e aos acidentes de viação.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Quarta, 08 Agosto 2018 23:04

O livro de distribuição gratuita, anualmente alocado aos alunos do ensino primário das escolas públicas, continua sem cobrir a todos os destinatários e a escassez é sobremaneira visível no segundo e terceiro ciclos do ensino primário, onde, apesar da obrigação de os educandos devolverem este material didáctico no fim de cada ano lectivo, o défice persiste. Para a ministra da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH), Conceita Sortane, os gestores dos estabelecimentos de ensino devem aperfeiçoar a planificação e garantir que o material em questão seja devolvido à escola em bom estado para servir a outros alunos.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Quarta, 08 Agosto 2018 00:13

O director nacional de infra-estruturas e equipamento escolar, no Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH), diz que até a abertura do ano lectivo 2019 haverá um défice de pelo menos 590 salas de aulas, devido a alguns constrangimentos que não permitem que parte das infra-estruturas programadas tenha sido concluída até essa altura.

 
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 08 Agosto 2018 00:01

Com a conclusão, em breve, da Ponte Maputo – Katembe a estrada Nacional nº 1 (N1) que ligava a cidade de Maputo, no Sul, à cidade de Pemba, no extremo Norte, passa a iniciar no posto fronteiriço da Ponta de Ouro.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Segunda, 06 Agosto 2018 23:00

O Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH) diz que não vai mais tolerar que as carteiras escolares, sobretudo as recém-compradas/fabricadas, sejam danificadas e amontoadas em depósitos dos estabelecimentos de ensino público, durante anos a fio, sem a devida reparação. Quer o envolvimento massivo dos alunos e seus encarregados de educação, dos professores, dos gestores escolares e da comunidade no restauro desse mobiliário e até anuncia a entrada em vigor, para breve, de um regulamento que passará a forçar os gestores das instituições de ensino a adoptarem medidas de “bom uso do mobiliário e infra-estruturas escolares”, bem como servir de critério de desempenho das mesmas escolas.

 
Escrito por Emildo Sambo   
Segunda, 06 Agosto 2018 22:52

Foto de Emildo SamboA ministra da Educação e Desenvolvimento Humano (MINEDH) insurgiu-se, na segunda-feira (06), em Maputo, contra a culpabilização das empresas de construção civil pela má qualidade de algumas infra-estruturas escolares arguidas um pouco por todo o país, no âmbito da expansão da rede escolar. Barba a barba, sem rodeios nem contemplações, ela imputou as responsabilidades aos gestores dos estabelecimentos de ensino e aos técnicos da instituição que dirige. Segundo argumentou e admitiu, há “falta de responsabilização” daqueles que “não previnem” as irregularidades que se verificam durante a construção, “por cumplicidade, compadrio ou indiferença”.

 
Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte Final

Pág. 8 de 61