Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 20 Março 2019 07:34

Cinco dias após o Ciclone tropical IDAI dissipar-se milhares de moçambicanos continuam sitiados nos tectos de casas e em copas de árvores no Centro de Moçambique onde as Bacias do Búzi e Púnguè estão inundadas. Os meteorologistas prevêem que as chuvas fortes, rajadas de ventos e trovoadas severas vão continuar, pelo menos até quinta-feira (21), e sugerem “rezar para que nenhum sistema de baixa pressão se formar”, pois as condições no Canal de Moçambique continuam propícias para mais chuvas intensas. Reunido na destruída cidade da Beira o Conselho de Ministros declarou Emergência Nacional, pela primeira vez na nossa História, e Luto por um período de 3 dias. Existem 202 óbitos confirmados.

Actualizado em Quarta, 20 Março 2019 08:10
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 19 Março 2019 07:35

Enquanto o Governo ainda está a fazer o levantamento do real impacto do Ciclone IDAI o Presidente da República estimou “que poderemos registar mais de mil óbitos”. Além disso pelo menos cem mil pessoas correm perigo de vida pois “os distritos de Búzi, Chibabava e Muanza na província de Sofala, o distrito de Mossurize e o posto Administrativo de Dombe em Manica estão isolados do resto do país o que forçou concidadãos nossos a procurarem refúgio nas árvores e nos tectos das casas enquanto aguardam salvamento”, revelou Filipe Nyusi que apelou “não há espaço para desculpas”, mas a verdade é desde 2016 INGC tem operado com défice financeiro.

Actualizado em Terça, 19 Março 2019 08:18
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 18 Março 2019 07:53

Pelo menos 74 pessoas morreram, milhares ficaram feridas no rescaldo preliminar da passagem do Ciclone tropical IDAI pelas províncias de Sofala e Manica onde se registam cheias que deixaram ilhadas um número ainda não apurado de pessoas. Sem energia eléctrica e água potável a cidade da Beira está isolada por terra do resto de Moçambique e não tem comunicações com o resto do mundo. “É coisa de Deus, aconteceu, mas nós temos que ser fortes para conseguirmos vencer (...) nós estamos aqui convosco e eu nem sequer durmo”, compartilhou o Presidente Filipe Nyusi após visitar Sofala e Zambézia.

Actualizado em Segunda, 18 Março 2019 09:18
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 14 Março 2019 23:22

Gabinete do primeiro-ministroO ministro da Economia e Finanças explicou nesta quinta-feira (14) porque razões o Governo está a insistir em pagar as dívidas ilegais da Proindicus, EMATUM e MAM, “tem que haver a continuidade do Estado e temos que continuar a sermos respeitados lá fora como Estado” disse Adriano Maleiane minimizando a violação da Constituição da República de Moçambique pelo seu antecessor: “podemos ter razão nas nossas leis mas também temos que ver o que foi assinado relativamente a lei externa”.

Actualizado em Sexta, 15 Março 2019 08:02
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 14 Março 2019 07:28

Foto das AdeMO Estado moçambicano assumiu semana finda a gestão da Sociedade Águas da Região de Maputo, S.A., (AdeM) que desde 1999 estava entregue a privados. O @Verdade apurou que o Conselho de Administração, dirigido por José Ferrete, e cujo mandato terminava em Junho próximo, foi substituído. “No quadro da gestão delegada a perspectiva é continuar a gestão privada”, esclareceu o director-geral do Fundo de Investimento e Património do Abastecimento de Água, Pedro Paulino, perspectivando que: “A ideia é que o FIPAG deixe de ser o maior accionista”.

Actualizado em Quinta, 14 Março 2019 15:17
 
Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte Final

Pág. 1 de 94