Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 08 Agosto 2018 00:06

As Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) fecharam o exercício económico de 2017 degradando a situação de falência técnica em que se encontram há pelo menos 2 anos: apresenta capital próprio negativo de 3,6 biliões de meticais, resultante de perdas acumuladas de 9,1 biliões de meticais, e o passivo total ultrapassou os 16 biliões de meticais.

Actualizado em Quarta, 08 Agosto 2018 06:26
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 06 Agosto 2018 23:12

Foto de Adérito CaldeiraO Gabinete Central de Combate à Corrupção(GCCC) revelou que está “ainda a trabalhar com o Brasil no sentido de nos fornecer mais dados” sobre os subornos de 900 mil dólares norte-americanos que a construtora Odebrecht admitiu em 2016 ter pago a membros do Governo de Armando Guebuza para obter termos favoráveis no projeto de construção do Aeroporto de Nacala.

Actualizado em Terça, 07 Agosto 2018 10:39
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 06 Agosto 2018 08:14

Foto de Adérito CaldeiraUma equipa do corpo técnico do Fundo Monetário Internacional (FMI) que visitou o nosso país assinalou que “a economia Moçambicana está a recuperar gradualmente”, reviu em alta o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), “4 por cento em 2018”, todavia nenhum avanço aconteceu no esclarecimentos das dívidas ilegais das estatais Proindicus, EMATUM e MAM e por isso continuará suspenso o Programa financeiro do FMI, que é catalítico para Moçambique sair da crise económica e financeira em que está mergulhado desde Abril de 2016.

 
Escrito por Adérito Caldeira   
Sexta, 03 Agosto 2018 08:04

Foto da Presidência da RepúblicaNa antecâmara de dois ciclos eleitorais que prometem ser “desafiantes” para o partido Frelimo, o Governo de Filipe Nyusi está a apertar o cerco aos órgãos de Comunicação Social independentes e a tentar barrar a presença de jornalistas estrangeiros. O @Verdade descobriu que para além da criação de (mais) um órgão regulador da Comunicação Social em Moçambique o Executivo aumentou e criou diversas taxas de licenciamento e registo para serviços de rádio, televisão e imprensa escrita e ainda agravou “astronomicamente” o custo da acreditação de jornalistas estrangeiros.

Actualizado em Sexta, 03 Agosto 2018 15:24
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 02 Agosto 2018 08:02

Foto de Adérito CaldeiraEm tempo de “pós-crise” o Presidente Filipe Nyusi decidiu aumentar preço da água potável, mais uma vez à socapa, apenas dez meses após o último reajuste. As facturas vão ficar entre 20 e 92 por cento mais caras, nos sistemas que funcionam nas principais cidades de Moçambique, e aumentam mais de 100 por cento nos sistemas secundários que fornecem o precioso líquido em alguns municípios. “Quem consome mais tem que pagar um pouco mais, tem capacidade se não tivesse não teria” explicou ao @Verdade o Secretário executivo do Conselho de Regulação de Águas.

Actualizado em Domingo, 05 Agosto 2018 10:16
 
Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte Final

Pág. 4 de 82