Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 05 Novembro 2019 20:52

O presidente do Tribunal Administrativo (TA), o primeiro órgão do Estado a assinalar a existências dos empréstimos ilegais, disse que continua sem data para responsabilizar os Funcionário do Estado que em 2013 e 2014 endividaram o nosso país violando a Constituição e leis orçamentais. Machatine Munguambe enganou aos moçambicanos afirmando nesta terça-feira (05) que “é um processo por demais evidente complexo, complexo e sinuoso, há a componente interna, nacional, e há a componente externa do processo”.

Actualizado em Quarta, 06 Novembro 2019 07:22
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 04 Novembro 2019 21:24

O Banco de Moçambique (BM) revelou que entre meados de Agosto e Outubro a Dívida Pública Interna com recursos a Títulos do Tesouro aumentou mais 4 biliões, elevando o seu stock, com as outras responsabilidade financeiras do Estado, para 176 biliões de meticais. O professor Carlos Nuno Castel-Branco explicou ao @Verdade que esta espiral de endividamento interno, que desde 2015 aumentou mais 400 por cento, “não é causado só porque os mercados de capitais estão difíceis ou porque a ajuda externa acabou, é causado pelas nossas opções de desenvolvimento económico”.

Actualizado em Terça, 05 Novembro 2019 07:48
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Domingo, 03 Novembro 2019 22:15

Cinco anos após a sua inauguração o Aeroporto de Nacala, que custou centenas de milhões de dólares em dívida pública, mantém o estatuto de “elefante branco”, em 2018 recebeu menos de 5 por cento da capacidade anual para qual foi dimensionado e continua sem receber voos internacionais. A solução da Empresa Pública Aeroportos de Moçambique, que não consegue amortizar as dívidas de centenas de milhões de dólares contraídas para a construção, passa por novos investimentos em hotéis, centro de conferências e edifícios de escritórios.

Actualizado em Segunda, 04 Novembro 2019 07:33
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 31 Outubro 2019 22:11

O Presidente Filipe Nyusi afirmou na segunda-feira (28) que graças a agricultura o custo de vida reduziu, a inflação baixou e ainda Moçambique foi salvo “da crise que intensamente vivia”. No entanto os banqueiros parecem discordar pois mantiveram as altas taxas de juro e o Metical continua a perder valor mostrando o seu cepticismo em relação a retoma da economia real, uma expectativa partilhada pelo Banco de Moçambique que nesta quinta-feira (31) suspendeu a descida das suas taxas de referência.

Actualizado em Sexta, 01 Novembro 2019 07:26
 
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 30 Outubro 2019 23:13

O Governo de Filipe Nyusi em fim de mandato e que diz não ter 35 milhões de dólares para cobrir o Plano de Contingências para mitigação das Calamidades Naturais concluiu neste quarta-feira (30) o acordo para a reestruturação da dívida ilegal da EMATUM. O @Verdade sabe que os credores já receberam 40 milhões de dólares norte-americanos adiantados por terem consentido com esta negociata inconstitucional que endivida os moçambicanos até 2033.

Actualizado em Domingo, 03 Novembro 2019 10:14
 
Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte Final

Pág. 5 de 114