Moçambique com 2,7 biliões de meticais para reduzir exclusão social
Destaques - Economia
Escrito por Correio da Manhã  
Quarta, 09 Julho 2014 09:20
Share/Save/Bookmark

A Dinamarca está a aplicar 460 milhões de coroas, correspondentes a perto de 2,7 biliões de meticais, para apoiar projectos do sector privado moçambicano com forte potencial de contribuir para a criação de mais empregos no país.

O valor vai abranger o período 2011-2015 e destina-se a apoiar acções de advocacia e pesquisa de negócios, promoção do agro-negócios, acesso ao financiamento para empresas de pequena e média dimensão, estando aquela iniciativa inserida no seu Programa de Desenvolvimento do Sector Privado em Moçambique.

A Dinamarca apoia Moçambique no desenvolvimento de um sector privado dinâmico que possa promover um crescimento económico sustentável, mediante a criação de empregos e diminuir o nível de desigualdades sociais existentes no país, salienta a Embaixada daquele reino europeu em Maputo.

Desde 2001, a Embaixada da Dinamarca, em Maputo, tem estado a implementar também o Programa de Parcerias Empresariais Danida Business Partnerships (DBP) para permitir maior ligação entre empresas dinamarquesas e moçambicanas, bem como transferir tecnologia e know-how, cruciais para melhorar o desempenho de empresas moçambicanas, salienta.

No geral, o esforço visa inverter a actual situação em que o ambiente de negócios no país continua a ser “um dos mais difíceis no conti- nente africano”, conforme diversos estudos internacionais realizados em Moçambique, justifica a representação diplomática da Dinamarca.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Quarta, 09 Julho 2014 10:15
 
Avaliação: / 1
FracoBom