Concluída dragagem de emergência no Porto da Beira
Destaques - Economia
Escrito por www.fimdesemana.co.mz  
Segunda, 07 Maio 2018 07:26
Share/Save/Bookmark

Terminou com êxito, mais uma dragagem de emergência do canal de acesso, cais e bacias de manobras do Porto da Beira, bem como da repulsão de areias para aterros hidráulicos, no tardoz do Cais 11. Recorda-se que idêntica dragagem havia sido feita em 2010 e 2011.

A cerimónia oficial de encerramento deste projecto estratégico e estruturante do sistema ferro-portuário do centro do País, decorreu no dia 3 de Maio último, no Porto da Beira, após a confirmação física dos trabalhos pela Comissão de Coordenação do Projecto do CFM, na Cidade da Beira.

No total, foram dragados 2.904.284 m3 de sedimentos, incluindo 838.070 m3 de areias repulsadas para o tardoz do Cais 11 e para aterros hidráulicos.

Foram gastos de fundos próprios do CFM, 29.102.078,47 Euros, incluindo 17% de IVA. Com a conclusão desta dragagem, estão recriadas as condições para que possam continuar a atracar naquele estratégico porto, navios com capacidade até 60.000 toneladas brutas de arqueação (DWT), 24 horas por dia.

O canal de acesso ao Porto da Beira e a Curva de Macúti foram as suas cotas restabelecidas para 8,00 e 9,20 metros abaixo do zero hidrográfico e as suas larguras mínimas de 135 e 250 metros, respectivamente.

A empresa adjudicatária desta dragagem foi a Van Oord Mozambique, Lda., vencedora do concurso internacional, lançado para o efeito e que executou o trabalho dentro do prazo estabelecido de seis meses. A supervisão técnica e financeira, deste projecto, foi integralmente efectuada por técnicos especializados do CFM.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom