Conselho de Administração da Odebretch passa a integrar membros independentes
Destaques - Economia
Escrito por www.fimdesemana.co.mz  
Quinta, 07 Junho 2018 07:38
Share/Save/Bookmark

A Odebrecht, S.A. (a holding do Grupo Odebrecht) acaba de anunciar a remodelação do seu Conselho de Administração (CA), com a inclusão da maioria de conselheiros independentes contratados no mercado, dando mais diversidade à composição do seu Conselho, incluindo uma mulher pela primeira vez na história de mais de 70 anos do Grupo.

Trata-se de uma das mudanças mais abrangentes e profundas do seu processo de transformação.

A ampla reformulação do CA ocorre ao mesmo tempo em que Emílio Odebrecht afasta-se da presidência do CA da holding, após 20 anos. O formato do novo CA confirma o modelo de governo societário que a Odebrecht tem vindo a implantar desde 2016, com a clara separação entre o papel dos accionistas e a estrutura de administração da Odebrecht.

O CA da holding, da mesma forma que outras empresas do Grupo, actuará como um órgão deliberativo, tomando decisões por maioria de votos. Caberá ao presidente coordená-lo.

O novo presidente, indicado pelo accionista maioritário, será Ruy Sampaio, formado em Administração de Empresas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), com mestrado na Universidade de Michigan e especializado em finanças e contabilidade. Ruy Sampaio era director há nove anos da Kieppe, empresa que controla a Odbinv que, por sua vez, detém 100% do capital da Odebrecht.

Além de Ruy Sampaio e do actual conselheiro Sérgio Foguel, que continuará no CA, serão indicados à Assembleia Geral dos Accionistas para compor o novo CA da Odebrecht quatro conselheiros independentes vindos do mercado, entre eles uma mulher, Ieda Gomes Yell, para além de Jorge Marques Toledo Camargo, Cledorvino Belini e Roberto Faldini. O CA da holding, portanto, terá seis membros, sendo a maioria de quatro conselheiros independentes.

A Assembleia Geral de Accionistas para eleição da nova composição do conselho ocorrerá no presente mês de Junho. Uma das principais missões do novo CA da Odebrecht S.A. será estimular as empresas líderes de negócio do Grupo a ter sócios, preferencialmente por via da abertura de capital na Bolsa de Valores.

Adicionalmente, focar-se-á na continuidade da revisão das políticas da companhia, na manutenção da unidade cultural, no processo de sucessão, na indicação de maior presença de conselheiros independentes para todas as suas empresas controladas e na disciplina do governo societário e do sistema de compliance.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom