China continua a ser o maior credor Bilateral de Moçambique pelo sexto ano consecutivo
Destaques - Economia
Escrito por Adérito Caldeira  
Terça, 25 Junho 2019 20:15
Share/Save/Bookmark

Foto da Presidência da RepúblicaA República Popular da China continua a ser o país a quem Moçambique deve mais dinheiro, pelo sexto ano consecutivo, seguido de longe pelos créditos concedidos por Portugal, Japão e Líbia.

Os desembolsos dos financiamento para a construção de ponte Maputo- Katembe, estrada Katembe/Belavista Ponta de Ouro, para a Reabilitação da Estrada Beira Machipanda e um terceiro para a reabilitação do Cais do Porto de Pesca da Beira elevaram as dívidas de Moçambique com a China de 1,8 bilião de Dólares, em 2017, para 2,2 biliões de Dólares norte-americanos, a 31 de Dezembro de 2018.

Portugal, a quem Moçambique deve cerca de 611 milhões de Dólares, é o segundo país maior credor enquanto o Japão ocupa a terceira posição.

De acordo com Conta Geral do Estado de 2018 a dívida de Moçambique ao Japão ascendeu a 300 milhões de Dólares com o financiamento disponibilizado no ano passado para a Central de Ciclo Combinado de Gás edificada na Cidade de Maputo.

Outros credores importantes do nosso país são a Líbia, a quem Moçambique deve 257 milhões de Dólares, e a Coreia do Sul, a dívida ascende a 243 milhões de Dólares norte-americanos.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Segunda, 01 Julho 2019 07:27
 
Avaliação: / 0
FracoBom