Moçambique pretente revitalizar o transporte marítimo de cabotagem
Vida e Lazer - Motores
Escrito por Coutinho Macanandze  
Sexta, 11 Julho 2014 21:17
Share/Save/Bookmark

O Governo moçambicano, através dos Caminhos-de-Ferro de Moçambique (CFM), pretende revitalizar o transporte marítimo de cabotagem que está em obsoleto com vista a impulsionar o desenvolvimento socioeconómico equilibrado e sustentável e dequá-lo à dinâmica do mercado internacional.

O presidente do Conselho de Administração dos CFM, Victor Gomes, disse a cabotagem no país é um grande desafios para o país na medida em que a obsolescência da actual frota, a baixa qualidade de segurança de carga a bordo, a fraca relação entre os protagonistas do processo de cabotagem e a desarticulação com outros meios de transportes são alguns problemas que minam o sector e o seu crescimento e alargamento.

A revitalização da cabotagem, segundo Victor Gomes, consistirá na exploração das potencialidades marítimas, na maximização da vantagem competitiva desta área com o intuito de rentabilizar à economia nacional e na redução dos gastos de reabilitação e manutenção de rotina.

 

 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Sábado, 12 Julho 2014 17:10
 
Avaliação: / 2
FracoBom