Acidentes deixam 20 óbitos nas rodovias moçambicanas
Vida e Lazer - Motores
Escrito por Redação  
Sexta, 02 Junho 2017 08:10
Share/Save/Bookmark

Vinte pessoas morreram e outras 36 ficaram feridas, das quais 19 com gravidade, em consequência de 26 acidentes de viação, ocorridos semana passada, nas rodovias moçambicanas.

O drama reduziu consideravelmente, em comparação com igual período [20 a 26 de Maio] de 2016, em que pereceram 36 cidadãos e 98 contraíram lesões graves e ligeiros, devido a 32 sinistros.

Na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), Moçambique figura como o país onde os acidentes de viação continuam a ser uma das maiores causas de morte, cuja origem são, entre outras causas, o mau estado das estradas e a condução sob efeito de álcool.

Dos 26 sinistros ocorridos no período em análise, 14 resultaram do excesso de velocidade, quatro por má travessia de peão e igual número de deficiências mecânicas, entre outras causas.

Segundo o Comando-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), desses mesmos sinistros, 12 foram do tipo atropelamento, seis choques entre carro e cinco choques entre carros e motos, por exemplo.

A Polícia de Trânsito (PT) fiscalizou 39.433 viaturas, autuou 4.569 automobilistas por violação do Código da Estrada, deteve 17 indivíduos por condução ilegal e confiscou 595 cartas por condução sob o efeito de álcool.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom