Sinistralidade rodoviária mata 25 pessoas e fere outras mais de 50 em Moçambique
Vida e Lazer - Motores
Escrito por Redação  
Quinta, 16 Agosto 2018 22:10
Share/Save/Bookmark

Vinte e cinco indivíduos morreram e outros 53 ficaram ligeira e gravemente feridos em resultado de 27 acidentes de viação, ocorridos na semana, em diferentes estradas moçambicanas.

Os sinistros tiveram como causa o excesso de velocidade e a má travessia do peão. Eles foram maioritariamente do tipo atropelamento carro/peão, despistes e capotamento e choques entre viaturas e motorizadas.

O Comando-Gral da Polícia da República de Moçambique (PRM) fazer saber, na terça-feira (15), em comunicado de imprensa, que 20 automobilistas foram detidos por se fazerem ao volante sem a documentação para o efeito.

Segundo aquela entidade do Estado, a Polícia de Trânsito (PT) confiscou igualmente 231 cartas de condução porque os seus titulares não respeitavam alguns preceitos previstos no Código da Estrada.

Recorde-se que o comandante-geral da PRM, Bernardino Rafael, disse na terça-feira que pelo menos 603 pessoas morreram no primeiro semestre deste ano, em todo o país, devido 810 acidentes de viação.

Em igual período do ano passado, 775 acidentes de carros causaram 510 óbitos.

A fonte falava em Maputo, numa cerimónia de patenteamento de 112 membros da entidade que tem como função garantir a segurança e a ordem públicas e combater infracções à lei.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom