Indivíduos desconhecidos roubam e estupram na província de Maputo
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Terça, 23 Setembro 2014 15:23
Share/Save/Bookmark

Um grupo de pessoas não identificadas invadiu uma residência no bairro de Intaka, no município da Matola, província de Maputo, apoderou-se de seis telemóveis, dois computadores portáteis e 27.500 meticais e, em seguida, abusaram sexualmente duas meninas de 18 e 22 anos de idade, filhas do proprietário da casa assaltada.

Ainda não há pistas sobre o paradeiro dos supostos malfeitores. Enquanto isso, dois indivíduos de nacionalidades moçambicanas, que respondem pelo nomes de Adérito Mandlete e Hermínio Chavango foram detidos pela Polícia da República de Moçambique (PRM) na província de Maputo, acusados de roubo e violação sexual.

Segundo as autoridades policiais, Adérito Mandlete, detido na 7ª esquadra, protagonizou um assalto numa residência no bairro 1o de Maio, no município da Matola, da qual retirou um congelador e diversos produtos alimentares. Diligências estão em curso com vista à neutralização dos seus comparsas. Hermínio Chavango é acusado de roubo 42 mil meticais recorrendo a esquemas não explicados pela Polícia.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Terça, 23 Setembro 2014 16:37
 
Avaliação: / 0
FracoBom