Mais um cadastrado linchado em Namicopo
Destaques - Newsflash
Escrito por Luís Rodrigues  
Quinta, 28 Maio 2015 08:07
Share/Save/Bookmark

Um suposto criminoso, que em vida respondia pelo nome de Paulo Samuel Namenene, não resistiu à morte na noite desta quarta-feira (26), depois de ter sido violentamente espancado por um grupo de populares de Namicopo, um dos mais populosos bairros da cidade de Nampula.

Segundo testemunhas, o jovem, de 29 anos de idade, teria sido surpreendido a tentar introduzir-se numa residência para se apoderar de alguns bens. Depois de neutralizar o indivíduo em causa, o proprietário da casa, ainda por identificar, não fez mais nada senão convidar a vizinhança a fazer justiça pelas próprias mãos.

Informações em nosso poder, Paulo Namanene acabava de ser liberto da Penitenciária Industrial de Nampula (PIN) onde esteve a cumprir uma pena maior, por roubo de uma motorizada. Samuel Namenene, o pai da vítima, disse que o seu filho sempre pautou por um comportamento marginal não só na família, como também a nível da Unidade Comunal de Muanona onde residia antes de recolher às celas.

“O meu filho vivia de qualquer maneira e nunca teve uma residência fixa, por causa do seu comportamento. Elesempre foi gatuno, não posso esconder”, disse Samuel em entrevista ao @Verdade.

A Polícia da República de Moçambique em Nampula reconhece o aumento de casos de linchamento de pessoas indiciadas de prática de crimes e apela aos cidadãos para que recorram às entidades competentes em caso de ocorrência de crimes.

De acordo com Sérgio Mourinho, do Departamento das Relações Públicas do Comando Provincial da PRM, este é o quarto caso em menos de seis meses.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom