Polícia mata presumíveis raptores em Nampula
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Segunda, 04 Junho 2018 07:56
Share/Save/Bookmark

Dois supostos raptores foram mortos a tiros pela Polícia da República de Moçambique (PRM), na semana finda, na cidade de Nacala-Porto, província de Nampula.

Tudo começou quando os malogrados tentaram sequestrar um cidadão de nacionalidade chinesa, na zona alta da daquela urbe.

O caso, ocorrido na última quarta-feira (30), foi denunciada à Polícia por um segurança da casa próxima à da vítima e pediu a intervenção da Polícia.

Na ocasião, o grupo, munido de duas pistolas, foi detido e durante a investigação descobriu-se que tinha também uma AKM escondida algures, disse ao @Verdade fonte do Comando Provincial da PRM em Nampula.

Chegado ao local aonde o referido instrumento bélico estava escondido, os bandidos colocaram-se supostamente em fuga, trocando de novo tiros com a Polícia. Esta justificou que respondeu à medida mas, infelizmente, não foi possível neutralizar os bandidos com vida para que fosse responsabilizados pelos seus actos.

“Eles foram socorridos para o hospital mas não resistiram. Se tivessem sobrevivido teriam sido fundamentais na indicação dos outros membros da quadrilha, que acreditamos ser grande e organizada. Já temos pistas que poderão nos ajudar a deter os outros integrantes”, acrescentou o nosso interlocutor.

Um dos finados era natural de Nacala-Porto, mas vivia na cidade de Quelimane. O outro era natural de Quelimane, com residência em Nacala-Porto.

Durante a operação, as autoridades confiscaram uma viatura na qual alegadamente os malfeitores se faziam transportar. No interior da mesma encontrou vários documentos de cidadãos chineses, que aparentemente seriam as próximas vítimas.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom