Pai viola sexualmente e engravida filha no Niassa
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Segunda, 17 Setembro 2018 07:42
Share/Save/Bookmark

Um homem de 41 anos de idade está encarcerado, desde Agosto passado, na cidade de Lichinga, província do Niassa, acusado de reiteradamente ter abusado sexualmente da sua filha, de 12 anos de idade, a ponto de engravidá-la.

O estupro começou quando a vítima tinha 10 anos de idade e continuou até aos 14 anos. Para consumar o acto, qualificado como incesto, o suspeito aliciou a filha com promessas de uma casa convencional, viatura luxuosa e dinheiro.

O homem abusou da própria filha, pela primeira vez, na sua machamba, em 2015, segundo a Rádio Moçambique (RM).

“Ele disse que vamos construir uma casa melhorada. Depois disso, colocou-me numa casa grande e começou a dormir comigo lá”, contou a vítima.

O porta-voz da Procuradoria Provincial do Niassa, Francisco Albano, disse àquele órgão público de comunicação social que o cidadão será submetido ao julgamento em breve. Ele incorre em pena de 20 a 24 anos de prisão.

“Por se tratar de uma relação incestuosa, praticada por alguém (pai) que tinha o dever de proteger a vítima, poderá haver circunstâncias agravantes” da pena, disse a fonte.

O homem encontra-se detido desde o dia 02 de Agosto passado, por receio da sua fuga. A recolha de elementos que consubstanciam o crime já está a ser finalizada, assegurou.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Quarta, 19 Setembro 2018 11:59
 
Avaliação: / 0
FracoBom