Polícia recupera 11 cornos de rinocerontes nas mãos de vietnamita em Maputo
Destaques - Newsflash
Escrito por Emildo Sambo  
Quarta, 17 Outubro 2018 07:58
Share/Save/Bookmark

Um cidadão de nacionalidade vietnamita está a contas com as autoridades policiais moçambicanas, por ter sido surpreendido na posse de 11 cornos de rinocerontes, equivalentes a pelo menos 11.900 quilogramas, no Aeroporto Internacional de Maputo, de onde pretendia viajar para o seu país de origem.

O visado, de 43 anos de idade, responde pelo nome de Nguyen Tien Trung. Os cornos estavam disfarçados em duas bobinas de gerador de electricidade, que faziam parte da sua bagagem.

Questionado sobre a origem das peças faunísticas, Nguyen Trung foi parco em palavras e, aparentemente, estava alheio ao que a Polícia pretendia saber dele no sentido de esclarecer o facto.

Leonel Muchina, porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM), na cidade de Maputo, disse à imprensa que o homem foi detido na tarde de terça-feira (16), durante o check-in naquele aeroporto.

São vários os vietnamitas e outros cidadãos de nacionalidade asiática detidos no Aeroporto Internacional de Maputo, indiciados de tráfico de cornos de rinoceronte, pontas de marfim e diversas drogas.

Há pouco mais de uma semana, no mesmo aeroporto, a PRM deteve um chinês de 49 anos de idade, acusado de posse de nove cornos de rinoceronte.

O produto estava embrulhado num papel de alumínio e misturou-os com alimentos. A farsa foi descoberta durante a revista à bagagem do visado.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom