Conflito de terra termina em morte de mãe e filhos em Nhamatanda
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Terça, 30 Outubro 2018 06:13
Share/Save/Bookmark

Dois indivíduos estão a contas com a Polícia da República de Moçambique (PRM), acusados de assassinar uma mulher e seus dois filhos, por conta de uma suposta disputa de terra, no distrito de Nhamatanda, província de Sofala.

As vítimas foram surpreendidas em casa, depois de terem recebido várias ameaças alegadamente proferidas pelos homicidas, que reclamavam a parcela de terra onde a mulher e os seus filhos viviam há vários anos. Os supostos assassinos, de 34 e 36 anos de idade, respondem pelos nomes Jossias Armando e José Bernardo, respectivamente. Eles disseram à Polícia que o talhão em disputa lhes pertencem, porquanto foi-lhes vendido pelo marido a malograda.

Segundo Sididi Paulo, porta-voz do Comando Provincial da PRM de Sofala, os indiciados dirigiram-se à casa dos malogrados e contra estes desferiram golpes com recurso a um machado.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 1
FracoBom