Cidadão detido por matar o irmão a troco de dinheiro em Tete
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Sexta, 02 Novembro 2018 07:52
Share/Save/Bookmark

Uma criança de apenas sete anos de idade foi assassinada pelo próprio irmão e extraído o coração e os órgãos genitais, com a ajuda de outros dois cidadãos, a troco de 400 mil meticais, no distrito de Zumbo, província de Tete. Os três indiciados já estão a contas com as autoridades.

Um dos suspeitos, identificado pelo nome de Yossefe Gaula, de 18 anos de idade, é irmão da vítima, do sexo masculino. Trata-se de um crime denominado fratricídio.

Segundo o Comando Provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM), em Tete, o jovem confessou o cto macabro após ter sido surpreendido a tentar vender o coração e os órgãos genitais do próprio irmão.

Residente na localidade de Minga, posto administrativo de Muze, Yossefe Gaula contou aos agentes da lei e ordem que tirou a vida do seu familiar porque alguém prometera pagar 400 mil meticais e lhe oferecer outros benefícios.

Fonte do Comando Provincial da PRM, em Tete, assegurou ao @Verdade que o indiciado pretendia abandonar o coração e os órgãos genitais na via pública, mas a intenção foi abortada pela população, de imediato alertou a corporação.

Yossefe alegou que o mandante do crime responde pelo nome de Samissone Ivulande, o qual até à publicação deste texto ainda não tinha sido localizado pelas autoridades, que estão no seu encalço.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 1
FracoBom