PRM detém consumidores de drogas em Nampula
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Segunda, 17 Dezembro 2018 21:28
Share/Save/Bookmark

A Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve três indivíduos, dos quais uma mulher, acusados de venda, tráfico e consumo de cannabis sativa, vulgo soruma, e outras drogas não especificadas, na Ilha de Moçambique, província de Nampula.

O quatro elemento foi recolhido aos calabouços quando tentou subornar as autoridades para restituírem a sua consorte à liberdade.

As drogas, encontradas em diferentes residências durante uma rusga policial, estavam acondicionadas em vários embrulhos de papel, plásticos e frascos. Para além de dinheiro, foram também recolhidas seringas e lâminas, supostamente usadas para injectar os estupefacientes.

Zacarias Nacute, porta-voz do Comando Provincial da PRM em Nampula, disse que foram confiscados pelo menos 30 quilogramas de vários estupefacientes, na sua maioria do tipo soruma. Alguns indicados foram surpreendido em flagrante delito, nas suas casas, pese embora se presentem como inocentes.

O agente da lei e ordem disse que a referida droga era transportada da cidade de Nampula para a Ilha de Moçambique.

Neste ponto do país, um dos cidadãos recolhidos aos calabouços assumiu o seu envolvimento no caso e declarou que consome soruma para aliviar o stress, bem como aumentar a força no trabalho. Porém, a mulher detida nas companhia dos outros presumíveis comparsas alegou que era inocente.

Segundo ela, a droga pertencia, talvez, ao marido, que é pescador. Este foi detido por tentativa de suborno à Polícia para ver a sua parceira restituída à liberdade.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom