Juíza Osvalda Joana reformada na Embaixada de Moçambique em Angola
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Quinta, 08 Agosto 2019 21:58
Share/Save/Bookmark

O Presidente Filipe Nyusi reformou Osvalda Joana do Tribunal Supremo, era uma das duas Juízas Conselheiras, e enviou-a como Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário da República de Moçambique junto da República de Angola, em substituição de Maria Helena Taípo.

Nomeada por Armando Guebuza, em 2012, a Juíza de 57 anos de idade era uma poderosa aliada do movimento feminista da Sociedade Civil, presidiu a Associação das Mulheres Moçambicanas na Carreira Jurídica e participou activamente na revisão de inúmera legislação retrógrada e machista que imperava na Justiça moçambicana.

Para alguma frustração da classe Filipe Nyusi tem primado pela nomeação de embaixadores que não são diplomatas de carreira como são os casos de Jorge Khálau, Paulino Macaringue, Carvalho Muária ou Eliseu Machava.

Com a saída de Osvalda Joana o Tribunal Supremo ficou com apenas um membro do sexo feminino.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Sexta, 09 Agosto 2019 07:25
 
Avaliação: / 1
FracoBom