Mais mortes na campanha da reeleição de Filipe Nyusi
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  
Segunda, 23 Setembro 2019 23:44
Share/Save/Bookmark

Mais sete pessoas envolvidas na campanha do partido Frelimo para a reeleição de Filipe como Presidente de Moçambique morreram, desta vez na Província de Tete, quando um camião de caixa aberta onde eram transportados, com outras seis dezenas de cidadãos, despistou-se e capotou na descida do monte Maloera.

O camião transportava militantes e simpatizantes do partido Frelimo que regressavam às suas residências após terem participado num comício da campanha eleitoral de Filipe Nyusi na vila do Songo, distrito de Cahora Bassa, a centenas de quilómetros dos seus locais de origem.

“O carro começou a abanar, nos assustamos e o carro aumentou de velocidade. O motorista não conseguia travar, tentou curvar e não conseguiu até que o carro capotou e caímos”, contou Banda Inácio, um dos sobreviventes da tragédia, ao Centro de Integridade Pública (CIP). “Três pessoas morreram no local”, referiu.

Os correspondentes do CIP no distrito de Mágoè contabilizaram sete óbitos confirmados no distrito em conexão com o acidente, incluindo dois irmãos. Houve registo de 56 feridos.

Estas vítimas elevam para 31 os mortos durante a campanha para a Eleições Gerais de 15 de Outubro, após eventos do partido Frelimo que aparentemente para encher os comício do seu candidato presidencial movimenta os seus simpatizantes de membros de um distrito para outro.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom