Mamparra of the Week
Escrito por Luís Nhachote  
Quinta, 10 Julho 2014 15:38
Share/Save/Bookmark

Meninas e Meninos, Senhoras e Senhores, Avôs e Avós

O mamparra desta semana é, mais uma vez e sem surpresas, Jorge Khalau, o solícito comandante-geral da Polícia da República de Moçambique (PRM) que, sem apresentar provas, acusa o partido Renamo de comercializar armas para os criminosos que circulam entre nós.

Temos conhecimento de que quando Jorge Khalau foi investido para as funções de polícia número um, o país vivia em relativa paz, os índices de criminalidade não eram elevadíssimos e nunca tinha sido imputada à Renamo a culpa de estar a fornecer armas aos bandidos, alguns dos quais dentro da própria Polícia, como a própria Polícia têm informado.

Sabemos que a missão confiada a Khalau passava pela devolução da ordem e tranquilidade públicas mas, por razões que só a PRM pode explicar, o crime continua em exponencial e impune, perante a apatia da corporação.

No meio de toda esta insegurança, o comandante-geral da PRM, que tem uma paixão pelos microfones da comunicação social para gáudio da sua mamparrice, vai vomitando as suas verborreias. Alto e em bom som, Khalau, o Jorge, já chegou a dizer que a PRM não respeitava “nenhum juiz”, uma autêntica aberração saída da boca de alguém, ao que se diz, formado nos bancos da Faculdade de Direito de uma universidade privada...

Que provas tem Khalau de que a Renamo estará a vender armas? Dissemos aqui, neste espaço, em Outubro de 2012, em resultado de crónicas abundantes seladas com o seu apelido, que um dos seus filhos é accionista de uma empresa de segurança privada que explora as mesmas armas de uso exclusivo das Forças de Defesa e Segurança.

Chegou-se ao cúmulo da “sem-vergonhice” e da falta de respeito pelas instituições porque Khalau é o comandante-geral da PRM!!!??? Com este andar de coisas, não nos espantaremos se amanhã, Jorge Khalau disser que a Renamo ou qualquer outro partido da oposição é que fomenta os raptos/sequestros para financiarem as suas actividades partidárias. Alguém tem que pôr um travão neste tipo de mamparrices. Mamparras, mamparras, mamparras. Até para a semana, juizinho e bom fim-desemana

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Quinta, 10 Julho 2014 17:21
 
Avaliação: / 2
FracoBom