Xiconhoca
Escrito por Redação  
Sexta, 06 Julho 2018 08:41
Share/Save/Bookmark

Os nossos leitores elegeram os seguintes Xiconhocas na semana finda:

Jaime Cuambe

Tudo indica que grande parte dos gestores públicos moçambicanos tem propensão ao roubo. Um dos exemplos mais recente disso é Jaime Cuambe, o antigo Presidente do Conselho de Administração (PCA) da Televisão de Moçambique (TVM). O Xiconhoca foi condenado, há dias, por gestão danosa à estação televisiva pública. É, na verdade, mais um indivíduo que fez de uma instituição pública o seu saco azul.

Beatriz Buchili

A Procuradora-Geral da República, Beatriz Buchili, deve andar com problemas de amnésia. Num pronunciamento que não deixa dúvidas de que é uma Xiconhoca por excelência, Buchili a sociedade não pode tolerar actos de corrupção e que se deve envolver no combate a este mal. Certamente, a Procuradora- Geral da República esteja querer gozar com a paciência dos moçambicanos. Ao invés de andar a expelir discursos vazios, devia preocupar-se em colocar os arquitectos das dívidas ilegais na prisão.

Gestores das LAM

Os gestores das Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) são uns verdadeiros génios, de se tirar o chapéu. Nunca se viu tanta incompetência e falta de profissionalismo juntas! Esse bando de Xiconhocas tem estado alegremente a empurrar a companhia de bandeira para o abismo. As LAM são, sem dúvidas, campeãs em dívidas e problemas. Quase sempre, registam-se atrasos e cancelamentos de voos, devido à má gestão que caracteriza a empresa. Diga-se em abono da verdade que, com esse tipo de gestores, não há dúvidas de que as LAM deixem de existir.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Domingo, 08 Julho 2018 08:41
 
Avaliação: / 1
FracoBom