Hospital Distrital de Monapo realiza cirurgias no primeiro dia de funcionamento
Vida e Lazer - Saúde e bem Estar
Escrito por Júlio Paulino  
Terça, 05 Julho 2016 07:51
Share/Save/Bookmark

Três pacientes, dos quais um vítima de acidente de viação e dois que sofriam de hidrocefalia, foram submetidos a cirúrgicas, no último domingo (03), no Hospital Distrital de Monapo, marcando a entrada em funcionamento desta nova unidade sanitária na província de Nampula.

As intervenções cirúrgicas foram bem sucedidas e o hospital vai reduzir o sofrimento da população de Monapo, que para beneficiar dos mesmos serviços ou em caso de alguma doença grave dirigia-se ao Hospital Central de Nampula.

A infra-estrutura, que custou ao Governo austríaco 4,5 milhões de euros, oferece serviços de internamento com a capacidade de 16 camas, banco de socorro, urgência, raio-X, maternidade, bloco operatório, consultas externas, pediatria, morgue com capacidade de conservar seis corpos, entre outros.

Para além dos residentes da vila sede de Monapo, a unidade sanitária vai beneficiar os distritos da Ilha de Moçambique, Mossuril, Liúpo, Muecate e Meconta. Nela foram afectos três médicos de diferentes especialidades.

O hospital vai funcionar 24 horas/dia e estima-se que atenda em média pelo menos oitenta pacientes. Não obstante a entrada em funcionamento deste hospital, a população do distrito de Monapo vai continuar a percorrer longas distâncias à procura de cuidados de saúde.

Estatísticas indicam que o distrito, com pouco mais de 374.801 habitantes, conta com 16 unidades sanitárias, os quais não satisfazem a demanda.

Antes da inauguração do Hospital Distrital de Monapo, pelo Presidente da República, Filipe Nyusi, os residentes eram atendidos no hospital rural, pertencente à Companhia Industrial de Monapo. Trata-se de uma unidade sanitária que presta apenas primeiros socorros a seus trabalhadores.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Actualizado em Terça, 05 Julho 2016 08:45
 
Avaliação: / 0
FracoBom