Pelo menos 300 salas de aulas destruídas pelas chuvas na Zambézia
CAMPUS - Soltas
Escrito por Redação  
Domingo, 25 Janeiro 2015 19:16
Share/Save/Bookmark

Há menos de duas semanas do início do ano Escolar em Moçambique cerca de 300 salas de aulas ficaram totalmente destruídas pelas chuvas na província da Zambézia, o que deverá impossibilitar cerca de 16 mil de terem aulas.

Segundo o jornal Domingo, trata-se de salas de aulas das escolas primárias que funcionam nos distritos de Gilé, Mopeia, Morrumbala, Namarroi, Pebane, Nicoadala, Maganja da Costa e Milange.

Para fazer face a este e outros problemas provocados pelas chuvas, a Direcção Provincial da Educação na Zambézia aprovou um plano que consiste na edificação de salas provisórias, logo que as chuvas abrandarem.

Entretanto, a província da Zambézia recebeu para o presente ano lectivo três mil e 139 mil livros de distribuição gratuita. A sua distribuição aos distritos decorre desde Dezembro passado. Até ao momento pelo menos cinco distritos já receberam o material, nomeadamente, Ile, Guruè, Inhassunge, Morrumbala, Quelimane e Nicoadala.

Em relação aos restantes distritos, o processo de distribuição poderá prosseguir depois de as chuvas abrandarem.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 2
FracoBom