SELO: Corrida ao ouro em Nhamizi – província de Tete - Por João Feijó
Vozes - @Hora da Verdade
Escrito por Redação  
Quarta, 16 Maio 2018 07:32
Share/Save/Bookmark

Ao longo do ano de 2016 o sudeste da província de Tete foi afectado pela estiagem, particularmente os distritos de Changara, Marara, Mágoè e Cahora Bassa. A seca provocou perdas consideráveis da produção, gerando bolsas de fome e tornando grande parte da população dependente da assistência do Programa Mundial de Alimentos. Paralelamente, uma praga de gafanhotos tem destruído as definhadas culturas agrícolas.

O Observatório do Meio Rural tem estado a realizar um estudo de caso no distrito de Marara. O estudo pressupõe a aplicação trimestral de um inquérito por questionário a uma amostra de 49 agregados familiares, ao longo de dois anos (entre 2017 e 2018). Os resultados da análise demonstram que 94% dos inquiridos passaram por períodos de privação alimentar ao longo de pelo menos um mês de 2016, diminuindo para 47% em 2017.

Poderá, baixar este documentos na página web do Observatório do Meio Rural pelo link: http://omrmz.org/omrweb/publicacoes/dr-35-corrida-ao-ouro-em-nhamizi-provincia-de-tete/

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom