SELO: Agro-negócio, sim! E os 4 milhões de famílias camponesas?
Escrito por Redação   
Terça, 30 Outubro 2018 22:48

Os documentos e discursos oficiais sobre as estratégias da agricultura têm dado grande ênfase ao agro-negócio. Existem muitos estudos que revelam, com evidências, aspectos críticos às formas de actuação do agro-negócio em Moçambique e que correspondem aos aspectos negativos acima mencionados. Entretanto, o ritmo de crescimento do agro-negócio é baixo, concentrado em produtos de exportação, abrange uma percentagem reduzida de produtores e é espacialmente localizado.

 
SELO: Novo diplomata da Embaixada da Arábia Saudita em Maputo explora funcionários*
Escrito por Redação   
Terça, 30 Outubro 2018 06:09

Escrevo em nome dos funcionários contratados localmente pela Embaixada da Arábia Saudita em Maputo, exactamente para expor e pedir socorro sobre o sofrimento que temos passado com o actual chefe da missão, neste caso o Embaixador, que antes da sua vinda à Moçambique, a embaixada estava sob comando dum encarregado de Negócios que por sinal era um verdadeiro líder diplomata, não só pela sua forma solidária de trabalhar, mas também pela seu carinho, motivação e respeito com os trabalhadores.

Actualizado em Terça, 30 Outubro 2018 07:13
 
SELO: Mesmo que houvesse (milagrosamente) novas vacinas, novos testes e novos medicamentos, a TB em 12 anos não seria erradicada* - Por Paula Perdigão
Escrito por Redação   
Segunda, 29 Outubro 2018 06:48

“A arte é longa, a vida breve, a experiência enganadora, o juízo difícil e a oportunidade fugidia”, Hipócrates

Tuberculose (TB)…erradicada em 12 anos? Nem nos melhores sonhos…

 
SELO: Continuamos a ter uma CNE que funciona à reboque do STAE, sendo este último, numa clara subversão da Constituição, da lei e da jurisprudência do próprio Conselho Constitucional* - Por José Belmiro
Escrito por Redação   
Sexta, 26 Outubro 2018 07:52

DECLARAÇÃO DE VOTO NO ÂMBITO DA CENTRALIZAÇÃO NACIONAL E APURAMENTO GERAL DOS RESULTADOS DAS ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS

Na qualidade de vogal da Comissão Nacional de Eleições, votei a favor da aprovação da acta e edital do apuramento geral em homenagem aos milhões de moçambicanos que decidiram comparecer nas mesas de votação para exercer o seu direito de voto. Não subscrevo os resultados do apuramento geral referentes aos municipios de Moatize, Monapo, Alto Molocuè e Marromeu. Não me vou pronunciar sobre o processo eleitoral na Matola por causa do evidente conflito de interesse.

Actualizado em Sexta, 26 Outubro 2018 16:01
 
Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte Final

Pág. 4 de 112