SELO: Não ao ProSavana e às políticas que não respondem às necessidades dos camponeses* - Por Movimento Não ao ProSavana
Escrito por Redação   
Quarta, 01 Novembro 2017 07:27

Reuniram-se na Cidade de Maputo, na III Conferência Triangular dos Povos organizada pela campanha Não ao ProSavana nos dias 24 e 25 de Outubro de 2017, cerca de 200 pessoas dentre as quais camponeses, camponesas, representantes de movimentos sociais, organizações não-governamentais, organizações de fé, académicos, estudantes, activistas, pessoas de boa-fé e membros da Campanha Não ao ProSavana dos três países (Moçambique, Brasil e Japão) com objectivo de reflectir de forma profunda e democrática o modelo de desenvolvimento de Moçambique.

 
SELO: Prémios FIFA! Será? - Por Dúlcio Mazive e Raúl Barata
Escrito por Redação   
Terça, 31 Outubro 2017 08:36

Caiu o pano sobre mais uma edição dos Prémios da FIFA, onde o ponto mais alto foi a eleição do melhor jogador do Mundo. Este prémio como bem sabemos tem a particularidade de eleger aquele jogador que mais se destacou nas competições organizadas pela FIFA ou melhor dizendo, daquele jogador que mais se destacou das competições organizadas pela UEFA, porque indo directo ao assunto não faz o menor sentido que um entidade que se diz global, sempre que há uma eleição para os melhores do mundo, o mesmo sempre é dado ou para jogadores europeus ou para jogadores não-europeus mas que actuam nas competições organizadas pela UEFA e nesse caso em particular jogadores que actuam nas cinco mais importantes ligas da UEFA os designados Big-five (Inglaterra, Espanha, França, Alemanha e Itália), sabemos nós que são os campeonatos que mais mobilizam dinheiro e público, são os campeonatos onde os Holofotes da comunicação internacional dão maior incidência todos os fins de semanas das épocas regulares.

 
SELO: A ignorância da lei não beneficia a ninguém - Por Miguel Luís
Escrito por Redação   
Quarta, 25 Outubro 2017 08:21

É do domínio público que a construção do Estado de Direito em Moçambique tem se revelado um processo repleto de tantos entantos, dos quais podemos destacar assassinatos, violações aos direitos humanos e constantes atropelos a lei por agentes da Administração Pública.

 
SELO: Gestão danosa nos Correios de Moçambique*
Escrito por Redação   
Terça, 24 Outubro 2017 07:30

Somos trabalhadores da Empresa Correios de Moçambique indignados e preocupados com a queda vertiginosa da empresa, desde que o actual Conselho de Administração, presidido pelo senhor Jessen, tomou posse.

 
Início Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte Final

Pág. 3 de 88